Vai casar pela igreja? Tudo o que precisa saber

A carregar...
Noiva a usar um vestido de linha A com detalhes bordados na zona do busto e um decote cai cai

Se o casamento é o início de uma nova jornada de vida, o casamento na igreja, católico ou sob outras denominações religiosas, acrescenta tradição à sua história de amor. Mas, antes de trocar votos, há uma série de detalhes a considerar. Os casamentos religiosos e civis diferem principalmente na cerimónia em si, já que a celebração, geralmente, segue os mesmos protocolos tradicionais.  

Leia para conhecer os detalhes mais importantes para organizar um casamento católico pela igreja. Descubra desde os documentos necessários, à ordem na cerimónia e ao vestido de noiva ideal. 

Fique a par das regras e procedimentos essenciais num casamento católico 

Antes de dar o grande passo, é fundamental compreender os procedimentos do casamento na igreja. A cerimónia religiosa difere de um casamento civil e é importante estar a par do funcionamento de preparação para um casamento católico. Veja algumas das regras mais importantes: 

Preparação para o casamento católico 

Para realizar um casamento religioso é necessário agendar uma reunião na igreja para conhecer os requisitos e procedimentos da diocese selecionada. No caso de casais onde apenas um dos membros é católico, o parceiro não católico deve ser batizado.  

O casamento religioso requer respeitar algumas regras. Os noivos devem frequentar um curso de preparação matrimonial, onde esclarecem questões como a vida em comum, valores religiosos e a importância do sacramento do casamento. Os tópicos a serem discutidos incluem questões relacionadas com a oração, a importância do casamento e os papéis sacramentais envolvidos. 

Ordem de entrada no casamento 

A ordem de entrada na igreja é um ponto importante na cerimónia católica.  

A disposição tradicional dos convidados na igreja consiste em colocá-los voltados para o altar, com os convidados da noiva à esquerda e os do noivo à direita, refletindo as posições que os noivos ocuparão no altar durante a cerimónia. Os primeiros bancos ou filas geralmente são reservados à família e aos familiares mais próximos. 

A entrada na igreja segue uma ordem específica: os convidados entram primeiro e ocupam os seus lugares designados, seguidos pelo noivo, a mãe do noivo e as damas de honor, madrinhas e padrinhos. As crianças que espalham pétalas e levam as alianças entram antes da noiva, que é acompanhada pelo seu pai e caminha pelo lado direito, posicionando-se à esquerda do noivo no altar, onde permanece durante a cerimónia.  

A ordem de saída segue o mesmo padrão: os convidados esperam fora da igreja para cumprimentar os noivos e lançar arroz ou pétalas de flores. Estes saem primeiro, seguidos dos pais dos noivos, padrinhos, damas de honor, crianças e, por fim, os recém-casados. 

Compreender a ordem de entrada no casamento e o seu simbolismo é essencial para um casamento bem-sucedido. Se tiver um wedding planner, essa pessoa orienta os convidados nas entradas e saídas. Caso contrário, escolha um padrinho ou madrinha assertivo para cumprir a função. 

Casar na igreja pela segunda vez 

Se um ou ambos os noivos já foram casados, a igreja católica tem regras específicas sobre a realização de um segundo casamento na igreja. Isso envolve um processo chamado "nulidade matrimonial" e requer um cuidadoso exame da situação anterior. 


Noiva a posar numa escadaria num vestido estilo sereia de mangas longas com detalhes rendados e transparências

Documentos: o que preciso para casar na igreja? 

Recomendamos que solicite a abertura do processo de casamento no registo civil com alguns meses de antecedência para garantir que o casamento cumpre as datas planeadas. Após essa etapa, pode selecionar a modalidade do casamento (civil, católico, ou de outra religião) e o regime de bens desejado (comunhão total, separação, ou comunhão de bens adquiridos). Caso não selecione, o regime padrão será o de comunhão de bens adquiridos.  

Para casar pela igreja, é necessário apresentar uma série de documentos essenciais. Certifique-se de ter em mãos os seguintes itens: 

Certidão de batismo e crisma 

A igreja católica normalmente requer que os noivos tenham recebido os sacramentos do batismo e crisma. Certifique-se de que os noivos têm as certidões correspondentes. 

Documentos de Identificação 

Documentos de identificação como o cartão de cidadão ou o passaporte são necessários para provar a identidade dos noivos. Os familiares, especialmente os padrinhos que não sejam os pais dos noivos, devem fornecer identificação. 

Certidão de estado civil 

Os noivos também devem apresentar uma certidão de estado civil atualizada que comprove que estão livres para casar. 

Declaração de liberdade para casar 

A igreja pode solicitar uma declaração que ateste que ambos os noivos estão dispostos a casar livremente, sem impedimentos. 

Como escolher e reservar a igreja para o casamento católico 

Escolher a igreja perfeita para o seu casamento é uma decisão essencial. 

Dependendo da tradição e de preferências pessoais, pode optar por casar na igreja da sua cidade natal ou escolher uma igreja com um significado. Lembre-se que as igrejas públicas frequentemente exigem reservas com antecedência. 

Casamento civil e casamento religioso: tenho de casar nos dois? 

Em Portugal, um casamento civil é obrigatório antes de um casamento religioso. A igreja não tem reconhecimento legal para realizar casamentos sem a certificação civil prévia. 

Quanto custa casar pela igreja? 

Os custos associados ao casamento pela igreja podem variar. Embora a igreja não cobre uma taxa fixa, é comum fazer uma contribuição voluntária para a paróquia. Há ainda despesas com a preparação, decoração e música da cerimónia. Certifique-se de analisar estas despesas com o pároco da igreja escolhida. 


Noiva a posar perto de uma janela com um vestido princesa de decote em bico adornado com bordados ao longo de todo o tecido

Qual é o vestido de noiva ideal para casar pela igreja? 

A escolha do vestido de noiva é um dos momentos mais emocionantes da preparação para o casamento, e pelo qual a maioria das noivas sonham.  

Embora não existam restrições oficiais, é aconselhável optar por um estilo modesto em comparação aos casamentos civis. Evite decotes profundos, costas muito abertas e vestidos curtos. Não é necessário limitar-se a vestidos de corte de princesa, pois existem outras opções indicadas que respeitam o protocolo. 

Muitas noivas optam por vestidos de noiva clássicos e elegantes que respeitem a natureza sagrada do evento. Para um casamento na igreja, os acessórios desempenham um papel fundamental na criação de um visual memorável. Considere incluir um véu ou mantilha, joias clássicas, uma grinalda ou tiara, ou mesmo luvas. E não se esqueça do ramo e da tradicional liga da noiva. 


Vestido de noiva princesa com saia em tule e decote cai cai conjugado com um colar

Casar na igreja é romântico e memorável  

Casar pela igreja é uma experiência única que requer planeamento e respeito pelas tradições religiosas. Ao entender as regras, preparar a documentação necessária e escolher a igreja certa, estará a caminho de celebrar o seu amor de uma forma verdadeiramente especial! 

Partilhar este artigo

Anterior Seguinte
pronovias

Selecione o seu país

Ao selecionar o país em que se encontra, poderá ver eventos especiais, promoções exclusivas e informações locais.